Prefeito de Lagoa D’Anta decreta emergência financeira e administrativa

O prefeito da cidade de Lagoa D’Anta, João Paulo Lopes, decretou estado de emergência financeira e administrativa do Município por 90 dias, em razão de sua equipe de assessores não ter encontrado na sede da Prefeitura Municipal, os equipamentos de informática contendo os dados contábeis da folha de pagamento dos servidores, ou qualquer outra informação a respeito de contratos com fornecedores, situação financeira do Executivo, ou qualquer documentação relacionados a processos licitatória e de compras.

Alega o prefeito João Paulo, que os equipamentos de informática, contendo toda a documentação da administração passada, não foram encontrados nos prédios da municipalidade, além da ex-prefeita não ter pago os vencimentos dos servidores municipais, referentes ao mês de dezembro e do 13º salário.