Com salários atrasados e sem previsão de pagar o 13º, prefeitura de Santo Antônio fecha novembro com saldo de R$ 225 mil na conta

A última parcela do mês de novembro do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) entrou nas contas das prefeituras nesta quinta-feira (30). Depois das duas cotas do FPM terem ficado zeradas, o município de Santo Antônio fechou o mês com a bagatela de R$ 225.015.98 nos cofres.

O montante repassado para os cofres do município em novembro foi de R$ 1.333.633,77, tendo sido debitados R$ 1.108.617.80. Deste total debitado, a maior parte se deve a descontos decorrentes de parcelamentos com a previdência social cujos valores somados ultrapassam a ordem de mais de R$ 600 mil, além da retenção do PASEP e as deduções do FUNDEB e da saúde.

Com o atraso nos pagamentos dos contratados em que alguns já completaram cinco meses sem receber seus salários, a gestão Josimar espera contar com o repasse extra anunciado pelo Governo Federal de mais de R$ 400 mil nas contas do município para pagar o 13º em dezembro, pois, até agora, nenhum anúncio oficial de pagamento.

Veja quanto o município recebeu em novembro:

Fonte: Sistema de Informações do Banco do Brasil/Demonstrativo de Arrecadação