Em convenção, PT oficializa aliança com MDB e indicação de Dário do Sindicato para vice de Raulison Ribeiro

O Partido dos Trabalhadores (PT) de Santo Antônio confirmou que vai compor a chapa majoritária do MDB encabeçada pelo pré-candidato a prefeito, o jovem Raulison Ribeiro, nas eleições 2020. O anúncio aconteceu durante convenção realizada na manhã deste sábado (12), no LL Recepções, com a presença de filiados, representantes e pré-candidatos do partido.

Na convenção, o partido oficializou também a indicação do vereador Dário do Sindicato para ser candidato a vice-prefeito. No seu mandato no Legislativo Municipal, sindicalista e militante dos movimentos sociais, Dário disputará pela segunda vez um cargo na majoritária. Em 2008, Dário foi indicado pelo partido para compor a chapa da então candidata à reeleição a ex-prefeita Liliane Barbalho, no entanto, o petista não logrou êxito naquele pleito. Em 2012, Dário foi eleito com expressiva votação para ser vereador e depois reeleito em 2016, tendo uma forte atuação na zona rural do município.

Presente à convenção, Raulison agradeceu o apoio do PT e a decisão do partido em se unir ao seu projeto político para buscar a reconstrução de Santo Antônio. Ele elogiou a indicação de Dário e suas qualidades pela atuação como vereador e líder sindical na luta por melhores condições de vida do povo mais necessitado do município, sobretudo no apoio ao homem do campo. “O PT tem sido um parceiro nosso na gestão do meu pai e ter o apoio novamente do partido é motivo de satisfação e alegria porque temos em comum um projeto na busca por melhores dias para o povo de nossa querida cidade”, afirmou Raulison.

Na ocasião, também foram homologados 10 nomes do PT para concorrer a vaga na Câmara Municipal, dentre eles o presidente do diretório municipal do partido, o ex-secretário de agricultura na gestão Lula Ribeiro, Francicarlos Santos. Além dele, também disputarão cadeiras no Legislativo Municipal: Alex Pontes, Beto do Assentamento, Cabral do Sindicato, Cleide Panca, Márcia Raniele, Micarla do Baixio, Paulinho Gomes, Priscila Alcântara e Romildo Miguel.