Feirante de Santo Antônio assassinado em Monte Alegre reagiu com faca após dois criminosos anunciarem assalto

Foto: Arquivo familiar

O morador de Santo Antônio, mais conhecido por Chico Mãozinha, assassinado a tiros durante a madrugada desta sexta-feira (13) após reagir a um assalto na cidade de Monte Alegre, foi identificado como Clidenor Cassiano da Silva. Ele era feirante, tinha 55 anos, e estava a caminho da Ceasa, em Natal. O feirante ia todas as sextas-feiras ao estabelecimento comprar mercadorias.

Segundo a polícia, o feirante dirigia um caminhão que quebrou na cidade de Monte Alegre e ele parou para consertar, quando foi surpreendido por dois elementos que chegaram em um carro e anunciaram o assalto. Outros feirantes que seguiam Clidenor disseram que ele reagiu com uma faca, e acabou baleado. Após efetuar os tiros, os bandisdos fugiram sem levar nada.

Em depoimento à polícia, familiares da vítima disseram que três feirantes, que também estavam indo para a Ceasa, acompanhavam Clidenor. Eles não foram feridos. No momento em que foi surpreendido pelos assaltantes, Clidenor estava embaixo da caminhão, tentando ajeitar o veículo.