MEC ainda não fechou contrato do Enem digital

O Ministério da Educação (MEC) ainda não fechou o contrato para fazer a versão digital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020. Os custos também não estão definidos.

A pouco menos de 60 dias da prova, o contrato ainda está em fase de finalização, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), autarquia do MEC responsável pela realização do Enem.

As provas estão marcadas para 31 de janeiro e 7 de fevereiro, após a realização da versão impressa, que será em 17 e 24 de janeiro.

Mais de 96 mil pessoas (1,7% do total de 5,8 milhões de candidatos) estão inscritos no Enem digital, que será feito pela primeira vez, em um projeto-piloto, nesta edição. A ideia do MEC é tornar a prova totalmente digital até 2026.

Mas, para que o projeto-piloto seja realizado, ainda é preciso alterar o contrato do exame impresso, fechado com a Fundação Cesgranrio, e incluir os detalhes sobre a versão digital.

G1