Na tribuna do Senado, Fátima cobra de Robinson posição sobre greve da UERN e atraso salarial

A senadora Fátima Bezerra (PT) manifestou, em Plenário, nesta terça-feira (27), apoio aos professores e técnicos da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte, em greve desde o dia 10 de novembro.

Fátima lembrou que até nesta segunda-feira os profissionais estavam sem receber os salários de dezembro, janeiro e o 13º salário. Hoje, o salário de janeiro foi pago, mas os aposentados não chegaram a receber.

A parlamentar pediu que o governador Robinson Faria se sensibilize com a situação dos servidores e apresente alguma proposta para pagar os atrasados, bem como a garantia de que receberão os próximos.

“É crescente o sentimento de indignação, não só por parte dos professores, dos técnicos e dos estudantes da UERN, mas da maioria da população com o descaso e a insensibilidade com que o governador vem tratando a Universidade Estadual do Rio Grande do Norte, que é uma universidade com papel muito relevante na promoção do desenvolvimento econômico e social do nosso estado”, afirmou.