Operação Pote de Ouro prende ex-prefeito no interior da PB suspeito de desviar recursos públicos durante gestão

Quatro mandados de prisão preventiva e um mandado de busca e apreensão estão sendo cumpridos na manhã desta segunda-feira (17), pela Polícia Civil, para desarticular um grupo suspeito de desviar recursos públicos da Prefeitura de Itabaiana, no Agreste da Paraíba.

Os mandados da Operação Pote de Ouro: o mapa da mina foram expedidos pela 2ª Vara Mista da Comarca de Itabaiana.

De acordo com o delegado de Polícia Civil de Itabaiana, Felipe Castellar, até às 7h30, foram presos preventivamente o ex-prefeito da cidade, Antônio Carlos Rodrigues de Melo Júnior, o ex-tesoureiro Luiz Moreira de Barros Filho e o ex-secretário de infraestrutura Adjailson Paiva de Andrade. O G1 não conseguiu entrar em contato com os ex-gestores.

De acordo com Felipe Castellar, os envolvidos participaram da gestão anterior de Itabiana e estavam envolvidos em desvios de recursos públicos por meio de funcionários fantasmas e uso de cheques com assinaturas falsas, entre os anos de 2013 e 2016.

Um mandado de busca e apreensão também foi cumprido na casa de Antônio Carlos, em João Pessoa. Outro mandado de prisão preventiva ainda está sendo cumprido na cidade de Itabiana. No entanto, a Polícia Civil não revelou quem seria o alvo, para não atrapalhar as investigações.

G1PB