RN tem 7 mortes confirmadas por covid-19 e taxa de ocupação chega a 55% nas UTIs

Foto: Ascom

A Sesap confirmou, nesta terça-feira (1º), a morte, por covid-19, de mais sete pessoas, uma delas falecida nas últimas 24 horas. O total de vidas perdidas para a doença no Rio Grande do Norte chegou aos 2.695. Permanecem em investigação 395 óbitos, 709 já passaram pelo processo da análise e tiveram a doença descartada como causa. 

Os dados divulgados pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap) trazem o registro de 537 novos casos, com isso o estado passa a contabilizar 95.660 pessoas que estiveram ou estão com a infecção. 40.636 é o total de casos suspeitos. 

Os números revelam uma ascensão da enfermidade no estado e isso afeta a taxa de ocupação dos leitos destinados ao tratamento dos doentes de covid. Nesta terça, o sistema Regula RN contabiliza uma taxa de 55% de leitos de UTIs ocupados, tendo 108 pacientes internados. Nos leitos clínicos, esse índice cai para 41% com 101 enfermos assistidos. 

A taxa de transmissibilidade também se elevou e se encontra em 0,66 no geral, porém 84 municípios estão com esse indicador entre 1,0 e 2,0, considerados, pois, dentro de uma zona de risco em relação à quantidade de pessoas que pode ser contaminadas por um único infectado. 

Caiu para 24, o número de municípios na zona de perigo, ou seja, com esse índice apontando acima de 2,0. O Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (Lais) é o responsável pelo monitoramento desse indicador.