VÍDEO: Operação da PF no RN acha dinheiro em vasos e bichos de pelúcia

Cedida/Blog do Barreto

A Operação Falsos Heróis da Polícia Federal encontrou dinheiro escondido em vasos e bichos de pelúcia. A ação foi deflagrada para desbaratar uma organização criminosa que atua em Mossoró, Areia Branca e Tibau.

O esquema foca no contrabando de cigarros e produtos falsificados. Foram cumpridos 26 mandados de busca e apreensão e oito de prisão. Ainda houve o sequestro de 22 contas bancárias.

 Ainda houve ações em no Pará (Belém e Ananindeua) e São Paulo (capital).

As diversas diligências realizadas no curso da investigação permitiram identificar a existência de uma organização criminosa bem estruturada, cujo modus operandi consiste no transporte naval de produtos contrabandeados (cigarros, vestuário e equipamentos eletrônicos falsificados) com origem no Suriname, os quais são internalizados de forma clandestina em pontos da costa dos municípios potiguares de Areia Branca, Porto do Mangue e Macau, sendo posteriormente transportados para diversos estados, principalmente São Paulo, onde são comercializados em locais notadamente conhecidos por esta prática.

Somente entre os anos de 2018 e 2019, a Orcrim movimentou cerca de 185 milhões de reais, revelando a alta lucratividade da empreitada criminosa.

Dentre os investigados, constam empresários, policiais civis do Rio Grande do Norte, além de um secretário municipal da cidade de Areia Branca/RN.

Com informaçõe da PF e Blog do Barreto